Era 7 De Janeiro De 2018

07 May 2019 01:18
Tags

Back to list of posts

<h1>Qual A Diferen&ccedil;a Entre Especializa&ccedil;&atilde;o, Mestrado E Doutorado?</h1>

<p>As coisas foram muito Confira Informa&ccedil;&otilde;es De Especialistas Para Se Doar Bem No Vestibular Da UnB . Era 7 de janeiro de 2017. Marielle Franco tinha acabado de tomar posse como vereadora pelo PSOL no Rio, teu primeiro mandato legislativo. No entusiasmo daquele ano que come&ccedil;ava, ela e tua parceira, Monica Ben&iacute;cio, acompanhavam o show da sambista Mart'n&aacute;lia no Circo Voador, pela Lapa. Marielle esperou come&ccedil;ar Namora comigo, m&uacute;sica especial para as duas, e abriu a m&atilde;o de Monica, colocando no meio de sua palma uma alian&ccedil;a. Estudante Nota Mil Na Reda&ccedil;&atilde;o Do Enem Troca Curso De Engenharia Por Medicina , ela acena com a cabe&ccedil;a para comprovar que, sim, o elegante anel com pedras de granada em que vinha mexendo ininterruptamente durante a conversa com a BBC Brasil &eacute; a alian&ccedil;a.</p>

<p>Monica nos recebe pela casa em que ela, Marielle e sua filha, Luyara, viviam juntas havia somente um ano e tr&ecirc;s meses, numa vila na Tijuca, na zona norte do Rio. Mudaram-se pra l&aacute; pela mesma data do pedido de casamento, finalmente consolidando uma hist&oacute;ria de afeto iniciada no momento em que ainda eram jovens, contudo interrompida imensas vezes pelas dificuldades que enfrentaram ao assumir um relacionamento entre duas mulheres. Pela noite de quatrorze de mar&ccedil;o, Monica esperava por Marielle como a toda a hora fazia, acendendo velas e incenso em moradia pra criar um local receptivo que compensasse as pautas pesadas com que a companheira lidava no trabalho.</p>

<p>Marielle havia acabado de avisar por mensagem que j&aacute; estava a caminho de moradia quando foi brutalmente assassinada com quatro tiros na cabe&ccedil;a, no bairro do Est&aacute;cio. O ataque que matou a vereadora de trinta e oito anos e seu motorista, Anderson Gomes, de 39 anos, ainda est&aacute; sendo investigado. A entrevista &agrave;s vezes &eacute; interrompida por l&aacute;grimas, contudo Monica segue em frente. Monica diz que pretende fazer o poss&iacute;vel pra &quot;honrar a mem&oacute;ria e o trabalho desta mulher extraordin&aacute;ria&quot;. No entanto, antes, deve &quot;atingir sobreviver&quot; ao assassinato de Marielle - o extenso carinho de sua vida.</p>

<ol>
<li>Marco Andrei (discuss&atilde;o) 12h54min de 19 de fevereiro de 2018 (UTC)</li>
<li>Ci&ecirc;ncias Sociais Aplicadas</li>
<li>Prefeitura de El&oacute;i Mendes</li>
<li>6/dez (Divulga&ccedil;&atilde;o/Facebook/Bristol University)</li>
</ol>

<p>Monica veste uma camiseta branca com o desenho do rosto de Marielle. Em um adesivo pregado do lado esquerdo do peito, se l&ecirc;: &quot;Marielle Vive!&quot;. Quem entra na vila d&aacute; de cara com o mesmo adesivo, colado no centro do port&atilde;o de ferro pichado. Um alongado corredor de concreto fornece acesso a casas de categoria m&eacute;dia. As casas da favela do Morro do Salgueiro, reconhec&iacute;veis ao fundo, n&atilde;o est&atilde;o muito long&iacute;nquo dali. Ao enxergar o cachorrinho de estima&ccedil;&atilde;o da casa, a rep&oacute;rter, desejando saber se deveria perguntar pelo nome &quot;dele&quot; ou &quot;dela&quot;, pergunta antes se &eacute; macho ou f&ecirc;mea.</p>

<p>Monica de bate-pronto. Vez por outra sua personalidade espirituosa se exp&otilde;e em meio ao luto, do mesmo jeito que o jeito pra fazer piadas enquanto mant&eacute;m o rosto impass&iacute;vel. Na parede da sala, um mural pintado por Monica traz dois &iacute;cones femininos, Frida Kahlo e a ativista afro-americana Angela Davis, e S&atilde;o Jorge, de quem Marielle era devota. As Carreiras Mais Promissoras Pra 2018 mesa abaixo, um retrato velho mostra Monica, Marielle e Luyara ainda menina.</p>

empreendedorismo-certificado-junco.jpg

<p>Monica a conheceu quando Luyara tinha cinco anos e, desde dessa forma, come&ccedil;ou a trat&aacute;-la como filha. Hoje com 19 anos, Luyara est&aacute; pela moradia dos av&oacute;s, em Bonsucesso, onde tem dormido desde que Marielle morreu. A afirma&ccedil;&atilde;o, a toda a hora reiterada por Marielle, vai contra a proposta do Estatuto da Fam&iacute;lia, um pol&ecirc;mico projeto de lei que busca definir a &quot;entidade familiar como o n&uacute;cleo social formado pela uni&atilde;o entre um homem e uma mulher&quot;.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License